Print Friendly, PDF & Email

Numa aula, estava eu a falar das invenções modernas.
– Algum de vós é capaz de mencionar alguma coisa importante que não existia há cinquenta anos?
Um miúdo muito activo, sentado mesmo à minha frente, levantou a mão e respondeu:
– Eu, senhor Padre. Há cinquenta anos eu ainda não existia.
– Não. Eu pedi coisas e não pessoas – corrigi.
– Ah! Eu pensava que o senhor Padre ia dizer que eu não era importante.
Jesus Cristo no Evangelho repete, por três vezes, "não temais … vós valeis mais que três passarinhos". É preciso ter confiança em Deus, pois Ele faz tanta confiança em nós. Valemos muito mais do que pensamos. 
Se não gostas de ti, quem irá gostar?
Se não te orgulhas do que fazes, quem se orgulhará?
Se não te alegras com a vida que tens, quem se vai alegrar com ela?
Sê tão forte que nenhum tormento possa perturbar a tua paz interior.
Procura a face luminosa de todas as coisas e faz com que o teu optimismo se torne realidade.
Preocupa-te com a tua própria perfeição e não te sobrará tempo para criticar os outros.
Sê bastante grande de espírito para não te atormentares, bastante nobre para não te encolerizares, bastante forte para não teres medo.
Deus faz sentir a todos que há algo de precioso em cada um.

Pe. José David Quintal Vieira, scj
davidvieira@netmadeira.com