Print Friendly, PDF & Email

A Ásia é o continente mais jovem da Congregação, não só pela média de idade dos seus membros (38 anos), mas também pela formação mais recente das entidades. A única exceção é a da Indonésia cuja presença Dehoniana teve início em 1924. As restantes presenças são bastante mais recentes: Filipinas 1989; Índia, 1994; Vietname, 2005; Taiwan, 2013.

A juventude desta fundações explica a recente e forte aposta da Congregação neste continente que conta com 60% da população mundial e onde os cristãos não atingem os 3%. Na Ásia, à exceção das Filipinas e de Timor Leste, os cristãos estão em minoria. A liberdade de viver e de comunicar a própria fé é muito limitada e, em vários países, é muito problemática a presença de missionários estrangeiros. Para uma inserção adequada nestes países é necessário o diálogo inter-religioso e uma forte atenção à vida comunitária. As comunidades Dehonianas da Ásia foram fundadas por missionários estrangeiros de diversas entidades e isso conferiu uma interessante dimensão de internacionalidade à presença Dehoniana no Oriente. Na Ásia desenvolveu-se mais recentemente o espírito de colaboração com os leigos. Ganha também grande importância a colaboração a nível continental, sobretudo no campo da formação dos candidatos, sendo o inglês a língua comum que fortalece a união das diversas entidades da Ásia.

DehonianosAsia

 

Província da Indonésia

 

Os primeiros missionários Dehonianos holandeses chegaram à Ilha de Sumatra em 1924 e em 1939 foi constituído o Vicariato de Palempang com um bispo Dehoniano. A invasão japonesa em 1941 fez com que os missionários fossem presos em campos de concentração e muitos morreram. Depois destes tempos conturbados, tem-se vivido de forma relativamente pacífica entre cristãos e muçulmanos. O florescimento vocacional tem sido bastante forte. Em 1974 a Indonésia foi constituída a Província. Atualmente os Dehonianos são 180 e ocupam-se principalmente do apostolado paroquial (30 paróquias em 5 dioceses), da formação (3 casas de formação dos jovens membros da Congregação), do ensino (4 escolas). A média de idade é de 42 anos. A Província da Indonésia colabora também em diversos projetos internacionais da Congregação, nos Estados Unidos, no Canadá, nas Filipinas, em Taiwan, no Vietname e na Índia, com mais de duas dezenas de Dehonianos.

 

 

Distrito da Índia

 

A presença Dehoniana na Índia iniciou-se a 6 de outubro 1994, com a chegada dos dois primeiros missionários. Atualmente o Distrito da Índia é composto por 73 membros. É também uma missão internacional com o envolvimento de várias entidades da Congregação que disponibilizaram os seus membros para este projeto missionário. A atividade principal é a formação dos sacerdotes e a evangelização do país. As vocações são numerosas e os primeiros sacerdotes foram ordenados em 2004. A Índia é Distrito desde 1999. Sendo um Distrito bastante próspero em vocações, são vários os Dehonianos da Índia que deixam o país para colaborarem em projetos da Congregação noutras entidades: África do Sul, Indonésia, Camarões, Venezuela, Inglaterra, Brasil, Alemanha e Espanha. Neste momento trabalham na Índia apenas 4 Dehonianos estrangeiros. Toda a atividade pastoral e de governo do Distrito está entregue à coordenação dos Dehonianos indianos, que apesar de serem muito jovens, têm sabido orientar bem os destinos do Distrito.

Para além da formação dos candidatos nos 5 seminários do Distrito, os Dehonianos da Índia dedicam-se à pastoral paroquial, organizados em 5 comunidades paroquiais.

 

 

Região das Filipinas

 

A missão nas Filipinas iniciou-se a 17 de maio de 1989, na ilha de Mindanao. O grupo iniciador, formado por 8 Dehonianos, era internacional, com religiosos de diversas entidades, especialmente destacados e preparados para esta missão. Durante os primeiros anos dedicaram-se à atividade paroquial e mais tarde começaram a apostar na formação dos candidatos. Em 1995 abriu-se o primeiro seminário Dehoniano na ilha de Cagayan. Passados 3 anos, o Noviciado começou a funcionar em Zamboanga. O primeiro sacerdote Dehoniano das Filipinas foi ordenado em 2004. Em 1999 as Filipinas passaram a Distrito e a 14 de março de 2012 foram elevadas a Região. Atualmente as Filipinas têm 43 membros. A média de idade é de 37 anos.

 

 

Distrito do Vietname

 

O Vietename é um dos frutos do Capítulo Geral de 2003. Foi a partir das Filipinas e com Dehonianos de origem vietnamita, que se iniciou a presença Dehoniana no Vietname. Os primeiros sacerdotes vietnamitas foram ordenados em 2011. A 12 de agosto de 2013 o Vietname tornou-se Distrito. A Congregação está a dar os primeiros passos neste país. A presença Dehoniana é ainda mínima (17 religiosos), mas esperançosa. As leis do país colocam bastantes entraves à ação pastoral e não permitem uma maior expansão da Congregação. Trata-se de uma missão onde é preciso ter muito paciência para aguardar os tempos de maior abertura que certamente hão de chegar. A vida comunitária e a adoração eucarística são os pilares da presença Dehoniana no Vietname.