Print Friendly, PDF & Email

CANTO DE EXPOSIÇÃO DO SANTÍSSIMO

INTRODUÇÃO

Com a sua morte e ressurreição, Jesus abriu-nos ao dom do Espírito e à liberdade dos filhos de Deus (cf. Cst 11). O cristão, homem novo, traz a sua força da exaltante experiência do Espírito, que nele habita e anima a sua vida. Três realidades vivificam a experiência do amor de Deus: a presença do Espírito, a segurança de ser filhos do Pai e a certeza da glória futura em Cristo Jesus.
A experiência da oração, sob a guia do Espírito Santo que está em nós, introduz-nos no mistério de Deus e faz-nos progredir no conhecimento de Jesus (cf. Cst 78).

Escutai a Palavra de Deus, da Carta do Apóstolo São Paulo aos Romanos (Rm 8,1-6.12-18)

Agora não há mais condenação alguma para os que estão em Cristo Jesus. É que a lei do Espírito que dá a vida libertou-te, em Cristo Jesus, da lei do pecado e da morte. De facto, Deus fez o que era impossível à Lei, por estar sujeita à fraqueza da carne: ao enviar o seu próprio Filho, em carne idêntica à do pecado e como sacrifício de expiação pelo pecado, condenou o pecado na carne, para que assim a justiça exigida pela Lei possa ser plenamente cumprida em nós, que já não procedemos de acordo com a carne, mas com o Espírito. Os que vivem de acordo com a carne aspiram às coisas da carne; mas os que vivem de acordo com o Espírito aspiram às coisas do Espírito. De facto, a carne aspira ao que conduz à morte; mas o Espírito aspira ao que dá vida e paz. […] Portanto, irmãos, somos devedores, mas não à carne, para vivermos de acordo com a carne. É que, se viverdes de acordo com a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito fizerdes morrer as obras do corpo, vivereis. De facto, todos os que se deixam guiar pelo Espírito, esses é que são filhos de Deus. Vós não recebestes um Espírito que vos escravize e volte a encher-vos de medo; mas recebestes um Espírito que faz de vós filhos adoptivos. É por Ele que clamamos: Abbá, ó Pai! Esse mesmo Espírito dá testemunho ao nosso espírito de que somos filhos de Deus. Ora, se somos filhos de Deus, somos também herdeiros: herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo, pressupondo que com Ele sofremos, para também com Ele sermos glorificados. Estou convencido de que os sofrimentos do tempo presente não têm comparação com a glória que há-de revelar-se em nós.

Silêncio para reflexão pessoal e para adoração

ORAÇÃO

Vem, Espírito Santo,
dom pascal de Cristo ao mundo.
Tu és o amor oblativo do Pai e do Filho,
oferecido e acolhido em dom recíproco,
e queres reproduzir a mesma mudança de vida
no coração das tuas criaturas.
Confessamos-te a nossa dificuldade
em viver tudo o que nos pedes.

Dá-nos a alegria de crer
como é grande a bondade do Pai por nós
e de nos deixarmos amar em Cristo,
retribuindo o amor com a gratidão dos filhos redimidos.

Inspira-nos a coragem
de seguir fielmente o exemplo de Jesus
para encontrarmos a liberdade do amor.

Ó Espírito criador dos homens novos,
que plasmou o Coração de Cristo
na oferta de Si mesmo até ao sangue,
educa-nos também na mesma doação,
para estarmos unidos ao seu sacrifício
para a salvação do mundo.
Ámen.

CÂNONE DE TAIZÉ (OU OUTRO)

Veni, Sancte Spiritus, tui amoris ignem accende.
Veni, Sancte Spiritus. Veni, Sancte Spiritus.