início início congregação congregação província província comunidades comunidades pessoas pessoas pastoral pastoral
bilbioteca biblioteca agenda agenda/efemérides opinião opinião ligações  ligações
arquivo
 
notícias do ano 2014
notícias do ano 2013
notícias do ano 2012
notícias do ano 2011
notícias do ano 2010
notícias do ano 2009
notícias do ano 2008
notícias do ano 2007
notícias do ano 2006
notícias do ano 2005
notícias do ano 2004
notícias do ano 2003
notícias do ano 2002
16/07/2012
Notas da Conferência Geral - 1 imprimir

Foi com a Oração de Vésperas que teve início a VIII Conferência Geral, ontem 16 de Julho, em Neustadt, na Alemanha. Ao longo doDomingo foram chegando as delegações vindas dos quatro cantos do mundo onde estão presentes os Dehonianos. São 80 participantes: membros do Governo Geral e da Cúria Geral, Superiores Provinciais, Regionais, Distritais e de Comunidades Territoriais, conferencistas e o grupo dos convidados que engloba alguns Dehonianos empenhados na formação dos candidatos e leigos que trabalham em escolas Dehonianas. A comitiva portuguesa, constituída pelo Superior Provincial, o Pe, Roberto Viana e o Prof. Roberto Dário Fernandes, chegou a meio da tarde acompanhada pelo Superior Geral e pelo Pe. Amândio (Superior da Comunidade Territorial de Angola), pelo Pe. Carlos Alberto (Superior Provincial do Brasil do Norte) que encontrámos nos aeroporto de Lisboa e pelo Pe. Carlos Enrique (Superior Regional da Venezuela) que encontrámos na estação de Frankfurt. As apresentações de todos os participantes foram feitas ontem à noite no bar típico da casa, à volta de um copo da boa cerveja alemã.

Hoje de manhã começaram verdadeiramente os trabalhos. A missa de abertura foi presidida pela novo arcebispo nomeado da Beira (Moçambique), Pe. Claudio Dalla Zuanna. Na sala de reuniões foram feitos osdiscursos iniciais pelo José Ornelas, Superior Geral, por D. Claudio Dalla Zuanna, até agora responsável do Governo Geral pela Comissão que preparou esta Conferência Geral e pelo Pe. Jesús Valdezate que fez a apresentação dos trabalhos destes dias e dos objectivos da Conferência Geral: traçar o perfil do educador Dehoniano e elaborar os elementos principais para um percurso educativo Dehoniano.


Na sua intervenção o Pe. José Ornelas sublinhou que vivemos tempos de mudança que requerem uma atenção redobrada aos jovens, sobretudo àqueles que vivem em dificuldades. Nós, Dehonianos, somos chamados a ajudar os jovens usando a pedagogia do amor, como fez Leão Dehon. O carisma da reparação que somos chamados a viver, interpela-nos a sermos educadores que reparam ocoração do educando para que nele possam brotar os valores do Evangelho. O Dehoniano-educador é aquele que tem uma atenção especial ao coração do jovem, tendo como modelo Jesus Cristo, manso e humilde de coração.


O Pe. Ornelas terminou a sua alocução com um sentido agradecimento a D. Claudio Dalla Zuanna por tudo aquilo que ele foi ao longo destes anos na Congregação e sobretudo no Governo Geral, desejou-lhe felicidades no ministério episcopal à frente dos destinos da diocese da Beira e ofereceu ao novo bispo um belo ícone.

Por sua vez D. Claudio na sua intervenção historiou o percurso de reflexão sobre o tema da educação que se tem feito na Congregação nestes últimos anos e que tem o ponto alto nesta Conferência Geral. Salientou que educar é uma tarefa difícil e que nós temos o dever de assumir a missão de ajudar os jovens a procurar os verdadeiros valores que são como água fresca de um poço nem sempre fácil de atingir. O recém-nomeado arcebispo da Beira agradeceu toda a simpatia e acolhimento que tem recebido dos confrades e disse que, apesar de a partir de agora não pertencer oficialmente à Congregação, continua a ser Dehoniano porque foi assim que viveu durante quarenta anos...

Dos trabalhos da tarde há a destacar a conferência do Pe. João Carlos Almeida (Joãozinho) que fez uma apresentação sobre o Padre LeãoDehon como educador, assinalando quatro características do Fundador: homem itinerante sempre atento à missão junto dos mais pobres; homem de coração solidário pronto para escutar o clamor dos pobres; homem de coração inteligente disponível para estudar com ponderação e encanto os problemas dos jovens; homem de coração nas mãos disponível para educar com amor e ser servidor da reconciliação.
O Pe. Joãozinho terminou a sua conferência oferecendo ao participantes “O discurso dos pássaros”. Trata-se de discurso do Padre Leão Dehon que o Pe. Joãozinho comentou e pôs em livro com a ajuda de um ilustrador.

Terminámos os trabalhos deste primeiro dia tomando conhecimento dos resultados do inquérito sobre a educação feito a toda a Congregação. Esta tarefa ficou a cargo do Pe. Olav, Dehoniano da Província alemã e membro da Comissão Organizadora.

Zeferino Policarpo, scj

DOSSIER ]

últimas notícias
16/12/2014
Alfragide: aniversário do Superior da Comunidade
13/12/2014
A grande Festa do Seminário!
12/12/2014
Queijas: Bodas de Prata sacerdotais do padre Alexandre Santos
10/12/2014
Retiro de Advento em Alfragide
09/12/2014
Dehonianos ordenados diáconos
06/12/2014
Encontro de Dehonianos Sub-10
29/11/2014
Dehonianos: Ordenação de dois Diáconos
28/11/2014 19.00.00
Encerramento do XII Capítulo Provincial
28/11/2014
XII Capítulo Provincial - Crónica do dia 27 de Novembro
27/11/2014
Comunicado

 
 

© Sacerdotes do Coração de Jesus - Dehonianos
R. Cidade de Tete, 10   .   1800-129 Lisboa - Portugal   .   Telefone: 218 540 900   .   E-mail: portugal@dehonianos.org