Print Friendly, PDF & Email

A 27 de dezembro de 1966, vinte anos após a chegada dos dois primeiros Dehonianos a Portugal, foi constituída a Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus.

A essa data, a Região possuía já o número de casas de formação e de pessoas suficientes para garantir, de forma autónoma, a sua continuidade e desenvolvimento. O Pe. António Colombi foi o primeiro Superior Provincial. Dois meses mais tarde, reuniu-se o primeiro Capítulo Provincial da Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus, para elaborar o Directório Provincial e definir as linhas da ação pastoral da Província para os anos que se íam seguir.

Portugal teve os seguintes Superiores Provinciais:

Pe. António Colombi – Superior Provincial desde 27 de dezembro 1966 até 1 de fevereiro de 1970.

Pe. Gastão Canova  – Superior Provincial desde 1 de fevereiro 1970 até 21 de maio 1973.

Pe. José Moisés de Gouveia – Superior Provincial desde 21 de maio de 1973 até 30 de junho de 1976.

Pe. António de Sousa Braga – Superior Provincial desde 1 de julho de 1976 até 30 de junho de 1982.

Pe. António Tomás Correia – Superior Provincial desde 1 de julho 1982 até 30 de junho de 1988.

Pe. Fernando Rodrigues Gonçalves – Superior Provincial desde 1 de julho de 1988 até 30-06-1994.

Pe. Manuel Neto Quintas – Superior Provincial desde 1 de julho 1994 até 30 de junho de 2000.

Pe. José Ornelas Carvalho – Superior Provincial desde 1 de julho de 2000 até 27 de maio 2003, data em que foi eleito Superior Geral da Congregação.

Pe. Manuel Joaquim Barbosa – Superior Provincial desde 1 de julho de 2003 até 30 de junho de 2009.

Pe. José Zeferino Policarpo Ferreira – Superior Provincial desde 1 de julho de 2009 até 30 de junho de 2015.

Pe. José Agostinho de Figueiredo Sousa – Superior Provincial desde 1 de julho de 2015.