Print Friendly, PDF & Email

40 anos é data digna de ser assinalada na vida de qualquer um e também na vida duma comunidade paroquial. Foi isso que concluíram os responsáveis e animadores da Paróquia Portuguesa de Gentilly, em Paris, com o seu Pároco, o Dehoniano português P. Leandro Garcês, na liderança da iniciativa.

A festa esteve à altura da importância da data que se celebrava. Não há festa sem trabalho e foi isso que fez a comunidade paroquial, que se empenhou em preparar tudo ao pormenor, não regateando esforços. É verdade que houve necessidade de mudar a data da festa, é verdade que esta calhou em dia difícil para a mobilidade, uma vez que o dia 22 de setembro é dia europeu sem carros e, por isso, as viaturas particulares não podiam circular dentro do perímetro da cidade de Paris. Apesar dessas limitações, foi uma verdadeira multidão a que encheu a igreja do Coração de Jesus, igreja que há 40 anos acolhe a Paróquia Portuguesa de Paris.

As celebrações foram intensas, emotivas, ativamente participadas por todos. Começámos, naturalmente, com a celebração da Eucaristia, porque o momento era sobretudo para dar graças a Deus por tantos dons e graças recebidos ao longo destas quatro décadas. A entrada foi solene, feita através dum colorido tapete de flores, que nos levou até à igreja, muito melhorada e renovada com as obras recentes de pintura, de nova instalação sonora, de arranjo do espaço envolvente do altar, e ricamente ornamentada, como a ocasião pedia.

A celebração foi presidida por D. Michel Aupetit, Arcebispo de Paris, e concelebrada por D. Michel Santier, Bispo de Créteil e diversos padres, entre os quais os Superiores Provinciais Dehonianos da Europa Francófona e de Portugal. A celebração litúrgica foi solene, sóbria e fluida, porque bem preparada, e muito bem animada pelo grupo coral. O texto lido no momento da ação de graças percorreu em breves linhas a história destes 40 anos de presença da Comunidade Portuguesa, com muita gratidão e reconhecimento a todos quantos têm tornado viva esta comunidade que ali se reúne, reza, celebra, convive e partilha a vida.

À celebração da Eucaristia seguiu-se um almoço que juntou mais de 500 pessoas, todas sentadas à volta das muitas mesas que se espalhavam pelo grande salão e pelas salas envolventes. O grupo da cozinha foi incansável e preparou comida em abundância e qualidade para toda aquela gente. Os jovens foram inesgotáveis no serviço amável e diligente às mesas. As crianças da catequese passaram de mesa em mesa, a distribuir azulejos e outros objetos, em troca das ofertas que as pessoas partilhavam para ajuda de uma obra que é de todos e para todos.

É um dia que fica gravado como grata recordação. Valeu a pena o esforço, ouvia-se um pouco por todo o lado. Ouvimo-lo da boca de D. Michel Aupetit, realçando a vivacidade e dinamismo desta Comunidade, que quer ser cada vez mais viva e mais dinâmica.

Obrigado, P. Leandro, pela generosa dedicação e incansável ação pastoral. Obrigado, Comunidade da Paróquia Portuguesa de Paris, pelo acolhimento fraterno e afável e pelo exemplo de fé e de vida comunitária. Que o Coração de Jesus vos recompense com a abundância das suas melhores bênçãos e graças.

Bom ano pastoral para todos!

P. José Agostinho Sousa

[FOTOS]