Print Friendly, PDF & Email

Durante os meses de Abril e Maio, o grupo da formação inicial encontrou-se pela primeira vez num encontro do género para um tempo de formação comum. Este grupo envolve os pré-postulantes, noviços e escolásticos. A referida formação deu-se em dois momentos.

 

Visita aos nossos confrades espanhóis

O dia 1 de Maio tem vindo a ser, desde há já alguns anos para cá, um dia dedicado à comunidade. O trabalho pastoral dos nossos confrades sacerdotes e o estudo dos confrades estudantes é de tal ordem que, por vezes, essas ocupações retiram tempo à vivência da vida comunitária.

Decidiu-se, portanto, alongar as 24 horas do dia 1 de Maio para 54 e, em vez de ficarmos por um passeio curto por terras de Santa Maria, optou-se por se fazer uma visita aos nuestros hermanos que vivem na vizinha Espanha.

Depois do trabalho pastoral de domingo seguimos viagem para Aveiro. Aí juntámo-nos aos 2 noviços e esperámos pelos 2 postulantes. Junto o grupo da «formação inicial» seguiu-se viagem para Salamanca. Ao chegar, a feliz notícia: ei, portugueses, o Porto é campeão! Ninguém podia ficar indiferente a esta notícia nem, tampouco, ao facto de se celebrar o dia do Bom Pastor. Por isso, fizemos o habitual passeio a Salamanca by nigth, onde nos esperava uma priests’ party.

O passeio de segunda-feira levou-nos a Segóvia. Aí, vimos a bonita Catedral e não tivemos olho no relógio para desfrutar das suas bonitas características artísticas. Tratando-se de um passeio de eclesiásticos e jovens religiosos com as mesmas aspirações, não ficámos apenas pela Catedral: vimos, também, algumas igrejas, mosteiros e conventos. Tudo locais de referência por estas paragens.

Saindo de Segóvia esperava-nos a bonita cidade de Alba de Tormes. Aqui, também fizemos o roteiro habitual: visita ao conventoonde se encontra sepultada Santa Teresa, a nova igreja dedicada à mesma e convento situado mais ao lado. Seguimos para o nosso colégio de São Jerónimo. Os seminaristas, cerca de 50, brindaram-nos com uma festa medieval, com jantar e tudo à moda desse tempo. Seguiu-se o regresso a Salamanca e a noite de descanso.

Por já só sobrar a manhã de terça-feira, o passeio desta manhã foi pela cidade de Salamanca. Aí, o nosso confrade Fernando Garrapucho fez questão de nos mostrar as duas Catedrais da cidade, a igreja da Universidade Pontifícia, e, para não se pensar que só vimos arte religiosa,levou-nos, também, à famosa Casa das Conchas, à reitoria da Universidade de Salamanca e à bonita Praça Maior.

Com um belo almoço de despedida, regressámos aPortugal após o mesmo e a foto que fica para a posteridade. Não faltaram osmomentos de oração em comum, onde não foram esquecidos os confrades portugueses que abdicaram deste passeio para que a vida da comunidade continuasse em funcionamento, e o passeio possível.

 

Retiro espiritual

No recém inaugurado Centro Dehoniano, no passado dia 26 de Maio, juntaram-se novamente estes três grupos de formação em retiro de preparação para a Solenidade do Coração de Jesus. Orientou o retiro o Pe. Fernando Ribeiro, vindo da Madeira propositadamente para estar connosco. Foi um tempo de paragem que serviu para rever a vida espiritual de cada um e, também, para ganhar novo ânimo através do contacto com os confrades mais novos.

 

Nuno Pacheco, scj