Tendo o Pe. Nélio Tomás, nosso confrade, falecido no passado dia 06 de Novembro, em Lisboa, depois de realizadas as respectivas celebrações fúnebres em Alfragide, os seus restos mortais foram, posteriormente, transportados para a Freguesia do Porto da Cruz, Concelho de Machico na Ilha da Madeira, de onde era natural.

Na celebração exequial pelo Pe. Nélio Tomás, realizada no dia 09 de novembro, no Porto da Cruz, e que foi presidida pelo Superior Provincial dos Dehonianos, estiveram presentes, para além do pároco da freguesia, o Cónego Fiel, Vigário-geral da Diocese em representação do Sr. Bispo do Funchal, vários sacerdotes da Diocese, muitos confrades dehonianos das comunidades presentes na Ilha da Madeira, a família do Pe. Nélio Tomás e muitos paroquianos e amigos que se quiseram estar presentes na celebração.

Depois da Eucaristia, onde o pároco, o vigário-geral, o superior da comunidade de Alfragide e um familiar expressaram palavras de agradecimento a Deus pela vida do Pe. Tomás, seguiu o cortejo fúnebre para o cemitério da freguesia onde foi, de seguida, sepultado o corpo do nosso confrade.

Agradecemos à sua mãe, D. Maria Bela, ao seu irmão Luís e demais família o dom que fizeram do Pe. Nélio Tomás à nossa Congregação e à Igreja. Acreditamos que junto de Deus ele intercederá por todos nós, que continuamos o caminho.