Print Friendly, PDF & Email
No domingo, dia 13 de Setembro, realizou-se em Aveiro, na Casa do Sagrado Coração de Jesus, a celebração da Primeira Profissão do Noviço Filipe Rodrigues. Tudo tinha sido preparado ao pormenor, com o empenho de todos, para que fosse este um momento de alegria e felicidade para o Filipe e para a Congregação.

No dia 11, recebemos na nossa comunidade a família do Filipe. No dia 12, fomos até Fátima, onde rezámos, percorremos a Via Sacra, visitámos a casa dos pastorinhos e outros lugares ligados às Aparições.

Pelas 16 horas do dia 13, após a chegada de vários confrades e amigos de Esgueira e Horta, tudo estava preparado para vivermos o grande momento. Estiveram presentes vários confrades, os postulantes do Centro Dehoniano, familiares e amigos, que participaram na celebração da eucaristia e na consagração do Filipe, que após 13 meses de aprofundamento do carisma e espiritualidade do Padre Dehon, experiência de oração, experiência comunitária, decidiu consagrar-se a Deus na Congregação dos Sacerdotes do Coração de Jesus.

A celebração foi presidida pelo Pe. José Agostinho Sousa, Superior Provincial da Província Portuguesa dos Sacerdote do Coração de Jesus, e concelebrada por diversos confrades. Durante a celebração, o Provincial entregou a Cruz Dehoniana e a Regra de Vida, apelando ao seguimento da Cruz de Cristo e à fidelidade ao nosso carisma.

No momento próprio, da celebração, o jovem noviço pronunciou a sua profissão religiosa, sendo acolhido pelos confrades presentes com um forte e sentido abraço.

No final da celebração, o neo-professo confiou-se à materna protecção da Virgem Maria, depondo uma flor aos pés da imagem.

Concluída a celebração decorreu uma breve mas alegre confraternização entre os presentes, seguido do jantar comemorativo.

Este dia de alegria estava a chegar ao fim. E ainda em tons de festa o neo-professo estava de partida para a sua nova casa, para a sua “nova missão” na Faculdade de Teologia, em Lisboa!

Ao Filipe a nossa comunidade deseja que seja feliz e que se mantenha perseverante ao Coração de Jesus.

Luís Miguel, noviço Dehoniano