Um frio gélido trouxe os alunos até ao Colégio Infante D. Henrique. Frio de neve, nada comum por estes lados.

Apresentar heróis e ideais grandes faz parte de um colégio dehoniano. Sempre que há oportunidade não se a perde. Hoje, 14 de Março, foi uma destas oportunidades.

Assim, o encontro da manhã incluiu, como de costume, as boas-vindas, o lema do dia e da semana e oração e decorreu no átrio interno do edifício onde funcionam o Segundo e Terceiro Ciclos do Ensino Básico.

Por ser aniversário de nascimento do Padre Dehon, passou-se um vídeo sobre a sua vida e obra, seguido atentamente pelas crianças e docentes.

Como recordação dos 168 anos do nascimento do grande homem que foi o Servo de Deus, Padre Dehon, entregou-se a cada aluno uma sua mensagem numa pagela.

As crianças do Pré-Escolar e o Primeiro Ciclo cumpriram a tradição: colocaram um ramo de lindas orquídeas junto ao monumento do Padre Dehon que se encontra no jardim da entrada principal do Colégio. Depois rezaram e cantaram os parabéns ao nosso Fundador e, apesar do frio, regressaram satisfeitas às suas actividades escolares.

O refeitório apresentou-se com ares de festa. Em ponto grande as mesmas mensagens foram colocadas nas paredes.

Durante a merenda da manhã partiu-se o bolo de aniversário e cantaram-se os parabéns ao festejado, Padre Leão Dehon. Festa sem bolo não é festa. O vinho foi substituído por um delicioso cacau bem quentinho, como recomendava o frio desta manhã de 14 de Março de 2011.

Ferdinando Freitas, scj