Print Friendly, PDF & Email

O último dia da Conferência Geral (21 de Julho) foi menos sobrecarregado, sinal de que nos dias anteriores trabalhámos bem e conseguimos chegar ao fim atingindo os objectivos a que nos propusemos!

Após o pequeno-almoço reunimo-nos para aprovar o documento final da VIII Conferência Geral. O texto apresentado no dia anterior foi melhorado e corrigido a partir das propostas feitas nos grupos linguísticos e na assembleia plenária. O documento final, redigido em língua italiana, foiaprovado por unanimidade e aclamação. A Congregação possui agora um texto de referência para ser utilizado em todos os âmbitos educativos e na pastoral juvenil e vocacional. Nos próximos dias será traduzido nas diversas línguas… O Superior Geral encerrou os trabalhos da VIII Conferência Geral com o discurso final e os necessários agradecimentos. Seguiu-se a celebração da Eucaristia. A liturgia da palavra decorreu no auditório, para facilitar a tradução simultânea. Seguimos, depois, em procissão até à igreja onde continuámos a eucaristia, com o ofertório.

Ao almoço a comunidade dehoniana de Neustadt ofereceu a todos os presentes um “pack” com produtos típicos desta região: vinho e mel. Foi também homenageado todo o pessoal de serviço da casa que nestes dias deConferência Geral foi incansável no trabalho que foi chamado a prestar.

Após o almoço, distribuídos em dois autocarros, saímos para Worms. A chuva e a trovoada forte e intensa não nos assustaram. Em Worms, após cerca de uma hora de viagem, fazia bom tempo quando chegámos, mas ao fim datarde a chuva incomodou um pouco o programa… Distribuídos em grupos linguísticos fizemos uma visita guiada à cidade. Worms é uma pequena cidade que obteve grande visibilidade quando Lutero ali esteve, em 1521, e se revoltoucontra à Igreja com as sua famosas “proposições”. Visitámos os principais monumentos históricos: a catedral de S. Pedro, o cemitério judaico, a sinagoga, o memorial de Lutero… Às 18h00 reunimo-nos na Igreja da Trindade, templo protestante, para a oração da tarde. Dali seguimos para as margens do rio Reno onde decorreu o jantar conclusivo da VIII Conferência Geral.
Hoje, domingo, a maior parte dos delegados das diversas entidades da Congregação regressaram ao seu país. De Portugal vieram O Pe. Roberto Viana e o Prof. Roberto Fernandes que após o almoço tomaram o comboio para Frankfurt de onde seguiram de avião para Lisboa.
Por cá ficaram os superiores maiores que aproveitaram o domingo para descansar e passear. Amanhã iniciamos a segunda parte dos trabalhos aqui em Neustadt: o Encontro dos Superiores Maiores da Congregação, que termina na quarta-feira, à tarde.

Zeferino Policarpo, scj