Print Friendly, PDF & Email

O Papa Francisco nomeou hoje, 24 de Agosto de 2015, festa do Apóstolo São Bartolomeu, o Padre José Ornelas Carvalho bispo da Diocese de Setúbal. O Padre José Ornelas Carvalho é membro da Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus e foi até ao passado mês de Junho Superior Geral da Congregação.

A nossa Província congratula-se com esta nomeação, agradecendo a Deus tudo quanto o Padre José Ornelas deu à Província, à Congregação e à Igreja. O Padre Ornelas é agora chamado a outra missão na Igreja e temos a certeza que a exercerá com o ardor apostólico, o entusiasmo, a alegria, a disponibilidade, generosidade e espírito missionário e de serviço que sempre o têm acompanhado. Desejamos as maiores felicidades ao Padre Ornelas nesta sua nova missão, continuaremos unidos na oração, na comunhão fraterna e na solidariedade. Que o Coração de Cristo derrame sobre o Padre José Ornelas e toda a comunidade diocesana de Setúbal a abundância das suas melhores bênçãos e graças e que a Virgem Mãe seja presença protectora nos caminhos da missão.

O Padre José Ornelas Carvalho nasceu no Porto da Cruz, Ilha da Madeira, a 5 de Janeiro de 1954, filho de António Tomás Carvalho e de Benvinda de Ornelas. Depois da escola elementar, frequentou o Seminário Diocesano do Funchal, entre 1964 e 1967, ingressando aos 13 anos, com o desejo de ser missionário, no Colégio Missionário Sagrado Coração – Seminário Menor dos Sacerdotes do Coração de Jesus, Dehonianos, na mesma Cidade –, onde permaneceu até 1969, e no Instituto Missionário Sagrado Coração, em Coimbra, até 1971.

Fez o ano de Noviciado entre 1971 e 1972, na Casa do Sagrado Coração, em Aveiro, tornando-se Religioso Dehoniano a 29 de Setembro de 1972, pela profissão pública dos votos de pobreza, castidade e obediência. Mais tarde, com 23 anos, a 23 de Setembro de 1977, emitiu a sua Profissão Perpétua, no Porto.

Frequentou o curso Filosófico-Teológico no Instituto Superior de Estudos Teológicos – já extinto – e na Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, tendo-o interrompido entre 1974 e 1976, para um tempo de serviço missionário ad gentes, em Moçambique. Concluiu a Licenciatura em Teologia em 1979.

A 9 de Agosto de 1981, foi ordenado Presbítero na sua terra natal, no Porto da Cruz.

Entre 1979 a 1983, frequentou e concluiu a Licenciatura Canónica em Ciências Bíblicas no Pontifício Instituto Bíblico, em Roma, e na Escola Bíblica de Jerusalém.

Regressado a Portugal, em 1983, foi docente assistente e secretário da Faculdade de Teologia, em Lisboa, serviços que interrompeu para preparar o doutoramento em Roma e na Alemanha, entre 1992 e 1996, tendo obtido o grau de Doutor em Teologia Bíblica pela Universidade Católica Portuguesa a 14 de Julho de 1997.

Na mesma Universidade, retomou as actividades docentes até 2003.

No tempo em que foi professor na Faculdade de Teologia, fez parte da Comunidade do Seminário Nossa Senhora de Fátima, em Alfragide, onde colaborou na formação dos jovens religiosos dehonianos.

No Governo Provincial dos Dehonianos em Portugal, foi Conselheiro Provincial entre 1985 e 1988, e entre 1997 e 2000. A 4 de Abril de 2000, o Superior Geral da Congregação nomeou-o VIII Superior Provincial da Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus, para o triénio 2000-2003, tendo sido nomeado a 27 de Maio de 2003 IX Superior Geral da Congregação, serviço que desempenhou nos últimos 12 anos, em Roma, em dois mandatos consecutivos, até 6 de Junho de 2015.

A 24 de Agosto de 2015, o Papa Francisco nomeou-o Bispo titular da Diocese de Setúbal. A sua ordenação episcopal terá lugar no dia 25 de Outubro de 2015, em Setúbal.

 

Padre José Agostinho Sousa