Realizou-se ontem, dia 5 de Junho, a Peregrinação Anual da Família Dehoniana a Fátima. Presentes milhares de peregrinos, vindos dos nossos seminários, paróquias e outras obras que nos estão confiadas em sete Dioceses portuguesas. Juntámo-nos a outros milhares peregrinos, chegados de outros países e de tantas partes de Portugal.
O dia começou com a oração do Rosário na Capelinha das Aparições, presidida por D. Manuel Neto Quintas, Bispo do Algarve. Alguns textos do Padre Leão Dehon serviram de introdução aos mistérios gloriosos. Seguiu-se a Eucaristia no recinto do Santuário, presidida por D. Manuel Quintas, que apelou a todos os peregrinos para levarem para as suas vidas a mensagem de Fátima, a partir do Evangelho e da Eucaristia.
O tema da Peregrinação – “Padre Leão Dehon, paixão por Deus, paixão pelo homem” – foi salientado na parte da tarde, numa sessão que decorreu no Centro Pastoral Paulo VI, cuja sala estava superlotada. Vários grupos apresentaram o tema de maneira criativa e atraente, através de teatro, poema, canção, encenação, mensagem e vídeo. Realço a projecção de um vídeo sobre a Congregação, a Província, a Família Dehoniana e o Papa Bento XVI, preparado pelo Paulo Rocha, e que chamou a particular atenção de todos os peregrinos. Marcante foi igualmente o testemunho, breve mas incisivo, de dois missionários de Angola e de Madagáscar, o P. Domingos Pestana e o Ir. José Manuel, respectivamente. Nas saudações iniciais, D. Manuel Quintas dirigiu algumas palavras à assembleia; o P. Manuel Barbosa leu uma mensagem que o Superior Geral endereçou a todos os peregrinos.
O dia terminou com a procissão e bênção do Santíssimo, presidida pelo P. Fernando Fonseca.
No hall do Centro Pastoral Paulo VI esteve patente a exposição “Com Leão Dehon, profetas do amor e servidores da reconciliação”, que apresenta o Padre Dehon, a espiritualidade dehoniana, a Congregação, a Família Dehoniana e os vários sectores de actividade da Congregação em Portugal. Foram distribuídos muitos materiais alusivos ao tema, como postais, santinhos, desdobráveis, posters. Foram lançados ainda alguns modelos em prata da cruz dehoniana, assim como uma canção de um CD com canções de mensagem segundo a espiritualidade dehoniana, cuja distribuição está prevista para os finais de Junho.
Muitos peregrinos, em particular um bom grupo de jovens da Juventude Dehoniana, iniciaram a sua peregrinação no sábado anterior.
Foi um dia de oração e celebração, de reflexão e partilha, de festa e convívio. Todos partimos mais fortalecidos na fé, com o coração aberto a Deus e mais disponível para acolher os irmãos que vamos encontrando nos caminhos da vida. A exemplo de Maria e segundo o carisma que o Padre Leão legou à Igreja.
Para o ano, no primeiro domingo de Junho, voltaremos a Fátima, para agradecer de maneira sempre nova tantas graças que o Senhor nos for concedendo ao longo de mais um ano.

| Manuel Barbosa, scj |