Desde a sua morte, ocorrida no dia 21 de Março de 1982, o Pe. Ivo esteve sepultado numa campa rasa no cemitério de Rio Tinto.

No centenário do seu nascimento e ao fim de 39 anos, por iniciativa da Junta de Freguesia de Rio Tinto, os restos mortais do Pe. Ivo Tonelli foram transladados para um jazigo do mesmo cemitério, pertencente à Junta de Freguesia de Rio Tinto, onde estavam já sepultados outros dois sacerdotes que tiveram um papel importante na vida social e pastoral da zona de Rio Tinto.

Sendo o fundador da Obra ABC, que ainda hoje mantém o cuidado aos adolescentes como a sua vocação principal, o Pe. Ivo fica também, desta forma como uma referência incontornável na história desta freguesia e de todos os utentes da Obra ABC.

A transladação ocorreu no dia 26 de Julho de 2021, pelas 11h30, com uma celebração religiosa presidida pelo Superior Provincial: Pe. João Nélio. Além do Superior Provincial estiveram presentes: o presidente da Junta de Freguesia de Rio Tinto: Dr. Nuno Fonseca; o presidente do conselho de Administração da Obra ABC: Pe. Feliciano Garcês juntamente com algumas pessoas que trabalham na Obra ABC e o Pe. António Loureiro scj.

No final da celebração o Dr. Nuno Fonseca num discurso apresentou esta decisão da Junta de Freguesia como uma atitude de gratidão para com o Pe. Ivo e com a Congregação pelo trabalho desenvolvido ao longo de todos estes anos naquela Freguesia.

O Superior Provincial concluiu também com palavras de agradecimento à Junta de Freguesia de Rio Tinto por este reconhecimento prestado à pessoa do Pe. Ivo e à Congregação, afirmando que a missão iniciada pelo Pe. Ivo continua viva ainda hoje na mesma freguesia e que desta forma que queremos continuar a dar vida a esta obra iniciada com a intuição e dedicação daquele Confrade. A Trasladação dos restos mortais do Pe. Ivo para este lugar destacado é também a garantia de que o seu nome será sempre recordado pela população pelo bem que fez aos outros.

O jazigo onde jaz o Pe. Ivo Tonelli fica Junto à entrada principal. Trata-se do segundo jazigo à direita, a sua sepultura é a que se encontra junto ao piso, ladeada pelas imagens de duas crianças em mármore que se encontravam na sua sepultura original e que representam a sua dedicação à Obra ABC.

Lisboa, 28 de Julho de 2021

Pe. João Nélio Simões Pereira scj