Print Friendly, PDF & Email

 

 

Traços biográficos do P. Dehon

• Leão Dehon nasce em La Capelle (França) a 14 de Março de 1843.
• Cumpre os estudos, demonstrando uma inteligência viva e aberta, no Politécnico em Paris.
• Obtém o Bacharelato em Letras (1859) e em Ciências (Paris, 1860), e o Doutoramento em Leis (Paris, 1864).
• Os pais sonhavam um futuro brilhante para ele, como advogado no Foro de Paris. Deus, porém, tinha outros desígnios para ele: queria-o como Sacerdote do seu Coração.
• A 25 de Outubro de 1865 encontramo-lo como seminarista em Roma, no Colégio Francês de Santa Clara. Também nos estudos sagrados demonstrou um interesse vivaz, doutorando-se em Filosofia (1866), em Teologia (1871) e em Direito Canónico (1871).
• Ordenado sacerdote na Basílica de São João Latrão, a 19 de Dezembro de 1868, o seu futuro está marcado: toda a sua vida é a de um sacerdote animado por um grande amor ao Coração de Jesus e pelo zelo apostólico para com as classes sociais mais pobres.
• Funda a Congregação dos Oblatos do Coração de Jesus, sucessivamente denominada Sacerdotes do Coração de Jesus, a 28 de Junho de 1878, quando faz a sua profissão religiosa.
• Os lugares da sua vida: Paris e Roma como estudante. Os primeiros anos de sacerdote são vividos em St-Quentin. Superior da Congregação religiosa, divide o seu tempo entre Bruxelas e Roma.
• Morre em Bruxelas a 12 de Agosto de 1925, com 82 anos.
• “Para Ele vivo e para Ele morro” foram as suas últimas palavras no leito de morte, indicando a imagem do Coração de Jesus. Foi desse modo, como ele mesmo declarou, que viveu a sua vida no amor do Coração de Jesus.

(Da Entrevista do P. Umberto Chiarello à TeleDehon em Março de 1996, publicada como opúsculo para os benfeitores na revista “Piccola Opera Sacro Cuore” de Vitorchiano, em Março de 1997.

Tradução: P. Manuel Barbosa, scj)