Print Friendly, PDF & Email

14 Ego sum pastor bonus et cognosco meas et cognoscunt me meae 15 sicut novit me Pater et ego agnosco Patrem et animam meam pono pro ovibus 16 et alias oves habeo quae non sunt ex hoc ovili et illas oportet me adducere et vocem meam audient et fiet unum ovile unus pastor (Jo 10, 14-16).

14 Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem a mim, 15 assim como o Pai me conhece a mim, e eu conheço o Pai; e dou a minha vida pelas ovelhas. 16 Ainda tenho outras ovelhas, não deste aprisco; a mim me convém conduzi-las; elas ouvirão a minha voz; então, haverá um rebanho e um pastor (Jo 10, 14-16).
 

Primeiro Prelúdio. É o Redentor, que está no tabernáculo, é o pastor amante e dedicado, é o modelo da santidade.
Segundo Prelúdio. Senhor, aplicai-me o preço do vosso sangue. Tomai-me sobre os vossos ombros, para me levar ao redil, eu sou a ovelha tresmalhada.

PRIMEIRO PONTO: Quem vem? É o Bom Pastor com toda a sua ternura pelas suas ovelhas. – O bom Pastor tem um coração cheio de afecto e de dedicação pelas suas ovelhas (Jo 10). Conhece-as pelo seu nome e elas seguem-no. Dá a vida para as salvar: «Dou a minha vida pela glória de meu Pai, diz o Salvador, porque o amo e ele ama-me porque dou a minha vida pela sua glória (Jo 10, 17). Ora bem, dou também a minha vida pelas minhas ovelhas, pela sua salvação eterna. Assim, as minhas verdadeiras ovelhas conhecem-me e amam-me».
Sou do número destas verdadeiras ovelhas, que amam ardentemente o Bom Pastor do tabernáculo? Infelizmente não, sou uma pobre ovelha imprudente, que erra pelos bosques expostos aos animais ferozes.
E o Bom Pastor quer procurar-me, chama-me, quer pegar-me nos seus ombros, perto do seu coração. Será uma grande alegria para ele encontrar-me, comunicará aos seus amigos, convidá-los-á a alegrarem-se com ele (Lc 15).
Posso ler esta parábola do Salvador e ficar indiferente? Ele chama-me, espera-me, está triste pela minha ausência, pela minha frieza, pela minha indiferença. Oh! Como o Salvador tem um Coração amoroso e como eu tenho um coração duro! Senhor, fazei violência ao meu coração.

SEGUNDO PONTO: Quem vem? É o Redentor com o preço do seu sangue. – S. Pedro (1Pd) compraze-se em explicar-nos: «Nós não fomos /626resgatados da escravatura do pecado pelo preço do ouro nem da prata, mas pelo sangue precioso do Cordeiro imaculado predestinado desde o começo e manifestado nestes últimos tempos para a nossa salvação, se formos fiéis na obediência amorosa para com Deus, na caridade pelo próximo».
A nossa alma era como as filhas de Sião cativas, e desoladas sobre as margens do Eufrates em Babilónia. «Levanta-te, Sião, canta Isaías, alegra-te Jerusalém, solta os laços do teu pescoço, filha de Sião, porque o Salvador te resgata gratuitamente» (Is 52).
Cantai a vossa gratidão, diz-nos David (Sl 102), porque a misericórdia divina vem até nós com a abundância dos seus dons que não podemos comparar senão à altura do céu acima da terra.
Sim, digamos o nosso reconhecimento ao coração eucarístico de Jesus, que deu todo o seu sangue para nos resgatar.

TERCEIRO PONTO: Quem está lá? É o modelo de toda a santidade e de toda a virtude. – Jesus está lá com todo o seu coração, com as virtudes admiráveis que praticava durante a sua vida mortal. Pode dizer-nos ainda: «Aprendei de mim que sou doce e humilde de coração. – Dei-vos o exemplo para que façais como eu fiz. – Amo o meu Pai e faço sempre a sua vontade».
Não há diferença senão pela paciência, que estava então unida a sofrimentos reais, e que já não está unida hoje senão a sofrimentos e a humilhações místicas.
Nosso Senhor não nos ama menos que então. Está sempre na disposição de sofrer, se fosse necessário, tanto ou ainda mais do que sofreu pela salvação das nossas almas.
Jesus-Hóstia é Jesus vivente, ardente de amor pelo seu Pai e pelas nossas almas. É Jesus amando a humildade, a doçura, a paciência. Está lá apaixonado pela pureza, pela obediência, pela oração.
Como é que posso apresentar-me diante dele com as minhas afeições totalmente terrestres? A minha alma está toda desfigurada. Como diz o salmo, tornei-me semelhante aos animais que não têm inteligência. Mas Jesus está precisamente lá para me transformar pelo seu exemplo e pelas suas graças e para me elevar de virtude em virtude pela acção do Espírito Santo. (2Cor 3).
Resoluções. – Senhor, apresentai ainda ao vosso Pai o sangue do vosso divino Coração para me resgatar e me purificar. – Amável e bom Pastor acolhei a ovelha tresmalhada, perdoai-me, não me recuseis as vossas carícias. /627 Retomai-me de novo no vosso seguimento. – Divino modelo de todas as virtudes, instruí-me, transformai-me, uni-me a vós.

Colóquio com Jesus-Hóstia.