Print Friendly, PDF & Email

1ª ESTAÇÃO

JESUS REZA NO JARDIM DAS OLIVEIRAS

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Jesus disse aos seus apóstolos: "Sinto-me oprimido por uma tristeza de morte. Fiquem comigo e não adormeçam". Depois prostrou de rosto em terra e começou a rezar. Dizia: "Meu Pai, se é possível, afasta de mim este cálice de dor. Porém, não se faça a minha vontade, mas a tua". Depois, foi ter com os discípulos encontrou-os a dormir. Disse-lhes: " Nem uma hora pudestes vigiar comigo? Estejam acordados e rezem para resistir à tentação".

2º LEITOR – O sono dos discípulos é imagem da nossa fraqueza. O Senhor não encontra em nós apoio, porque O não amamos suficientemente. A solidão de Jesus aumentou o seu sofrimento interior.

PRESIDENTE – Ó Jesus, ajuda-nos a amar-te cada vez mais e a fazer a vontade de Deus Pai como Tu a fizeste. Ajuda-nos a não escolher sempre o que nos interessa, e a ajudar quem precisa e está sozinho.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes que fomos preguiçosos e não Te amámos:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.

 

 

2ª ESTAÇÃO
JESUS É CONDENADO À MORTE

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Pilatos perguntou ao povo:"que devo fazer a Jesus?" "Todos responderam: "Crucifica-O". Então Pilatos mandou açoitar Jesus e, depois, entregou aos soldados que Lhe puseram uma coroa de espinhos na cabeça e um manto de púrpura e, no meio de insultos, O levaram para O crucificarem.

2º LEITOR – Jesus tem as mãos amarrados e uma coroa de espinhos, mas está cheio de serenidade, de dignidade e de amor. Ele veio ao mundo para dar testemunho da verdade. Que é a verdade? A verdade é uma realidade: é o Reino de Cristo, onde o homem se torna filho de Deus e irmão de Jesus Cristo..

PRESIDENTE – Ó Jesus, no mundo há enganos, tristeza e falsidade, ajuda-nos a entrar no teu reino que é amor, paz e justiça.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que não tivemos confiança em Ti:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

3ª ESTAÇÃO
JESUS CARREGA A CRUZ

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Os carrascos tomaram Jesus, tiraram-Lhe o manto de púrpura e obrigaram-no a vestir-Se novamente. Puseram-Lhe sobre os ombros, dilacerados pelos flagelos, o pesado madeiro da cruz, que levou pelas ruas da cidade até ao lugar do suplício, chamado Gólgota, que significa sítio do Crânio.

2º LEITOR – Jesus, ao abraçar a cruz, revela-nos a paixão de amor pela humanidade que O conduziu a esta hora dolorosa. Ele carregou os nossos pecados, os nossos sofrimentos, as nossas dores.

PRESIDENTE – Ó Jesus, faz-nos sentir a dor do arrependimento pelos nossos pecados. Nós Te pedimos, Senhor: ensina-nos a viver e a caminhar na Verdade, a saborear a alegria do teu perdão.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que pecamos:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

4ª ESTAÇÃO
A PRIMEIRA QUEDA DE JESUS

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Manso como um cordeiro, Jesus caminhava para a morte. Mas estava tão fraco por causa da flagelação, que não conseguia caminhar e caiu exausto…
"A minha alma está triste até à morte" (Mc. 14,34). "Jesus prostrou-se de rosto em terra"(Mt. 26,39).

2º LEITOR – A queda de Jesus mostra-nos que Ele não veio ao mundo como um super-homem, apesar de Filho de Deus. Fez-se, na verdade, nosso irmão, e quis partilhar connosco os nossos sofrimentos.

PRESIDENTE – Ó Jesus, Tu caíste em terra por amor, ensina-nos a amar como Tu amas.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que fomos egoístas e ingratos:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

5ª ESTAÇÃO
JESUS ENCONTRA SUA MÃE

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Quando o Menino Jesus foi apresentado ao Templo pela primeira vez, um homem justo, chamado Simeão, predisse a Maria os sofrimentos que Ele e Ela haviam de passar.

2º LEITOR – Maria e Jesus estão diante um do outro. Encontram-se dois corações. A dor e a pena duplicam. Maria oferece o Filho para que os homens sejam salvos do pecado. O Coração de Jesus e o Coração de Maria estão unidos por um só sentimento: o da oblação.

PRESIDENTE – Pai Santo, nós Te agradecemos por nos teres dado Jesus e Maria. Ajuda-nos a compreender melhor o que significa viver como filhos de Deus. Senhor, com a tua ajuda, quero evitar todo o mal e todo o pecado.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que cometemos pecados:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

6ª ESTAÇÃO
JESUS É AJUDADO PELO CIRENEU

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – "Para levar a cruz de Jesus, requisitaram um homem que passava por ali ao regressar dos campos, um tal Simão de Cirene " (Mc.15, 21).

2º LEITOR – A incapacidade de Jesus para levar a cruz consola-nos: a cruz também é cruz para o homem Deus. Jesus, ainda que o pudesse fazer, não quis ser no sofrimento um herói ousado, e aceitou ajuda. Nós, pelo contrário, sucumbimos muitas vezes à tentação de nos fecharmos nos nossos sofrimentos, em vez de aceitarmos, com simplicidade, ser ajudados pelos outros!

PRESIDENTE – Ó Jesus, ensina-nos a ser humildes, a reconhecer as nossas fraquezas e a não termos vergonha de precisar da tua ajuda.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que fomos demasiado orgulhosos e soberbos:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

7ª ESTAÇÃO
JESUS É ENXUGADO PELA VERÓNICA

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Jesus está desfigurado pela dor. É desprezado e escarnecido pelos homens cegos e ingratos. Uma mulher, movida de compaixão,
enxuga-Lhe o rosto com um pano e o rosto de Jesus fica impresso nele.

2º LEITOR – Todo o rosto humano, ainda que desfigurado, esconde o rosto de Deus. Também nós podemos enxugar o rosto de Cristo, fazendo o bem aos outros.

PRESIDENTE – Ó Jesus, ajuda-nos a ver o rosto d e cada pessoa, e toda a criação, com os teus olhos cheios de amor.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que fomos cegos e surdos diante das necessidades e do sofrimento do próximo:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

8ª ESTAÇÃO
JESUS CAI PELA SEGUNDA VEZ EM TERRA

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – "Não sabia que tramavam contra mim, dizendo: "Destruamos a árvore no seu vigor; arranquemo-la da terra dos vivos, que o seu nome caia no esquecimento" (Jeremias 11,19).

2º LEITOR – Como aconteceu outrora com Jeremias, os chefes dos judeus e os sacerdotes, querem eliminar Jesus porque os seus discursos lhes perturbam as consciências cheias de falsidade.
Jesus, como uma árvore que é abatida, cai, pela segunda vez, sob o peso da cruz. Deus não nos ama porque somos impecáveis, e quis que o seu Filho Jesus partilhasse com os homens as fraquezas e os fracassos.

PRESIDENTE – Ó Jesus, fica junto de nós nos momentos difíceis e ajuda-nos a levantar-nos, a arrepender-nos dos pecados e a recomeçar o caminho na tua companhia.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que, desanimados, nos afastámos de Ti: TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

9ª ESTAÇÃO
JESUS E AS MULHERES DE JERUSALÉM

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Muitas pessoas seguiam a Jesus e, entre elas, havia mulheres que choravam pela sorte daquele justo e inocente, conduzido ao suplício.
"Não choreis por mim, mas por vós mesmas, pelos vossos filhos e pela vossa cidade" disse Jesus, que aludia à próxima destruição de Jerusalém (Lc. 23,27-28-31).

2º LEITOR – Jesus põe no devido lugar os gestos e os sentimentos. De que serve compadecer-nos das situações injustas, se não nos comprometermos e não lutarmos para que as coisas mudem?

PRESIDENTE – Ó Jesus, ajuda-nos a comprometer-nos para que tantos males que há no mundo, como o racismo, a violência, a exploração, a pobreza, sejam vencidos e se estabeleça o teu Reino de paz e de justiça.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que fomos injustos e superficiais:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

10ª ESTAÇÃO
JESUS CAI PELA TERCEIRA VEZ EM TERRA

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – "Ó vós todos que passais pelo caminho, olhai e vede se existe dor igual à dor que me atormenta" (Lam 1,12)

2º LEITOR – Este texto indica-nos o estado de alma de Jesus: está no limite das suas forças. Ele, o Filho de Deus, não reivindicou o direito de ser equiparado a Deus, e cai no pó do caminho. Nós, pelo contrário, temos dificuldade em aceitar este Deus tão manso, tão humilde.

PRESIDENTE – Ó Jesus, dá-nos um coração bom e humilde, capaz de amar sempre e de aceitar os sofrimentos com alegria e por teu amor.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que nos lamentamos de que as coisas não nos correm bem:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

11ª ESTAÇÃO
JESUS É DESPOJADO DAS SUAS VESTES

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Olhavam-me, observavam-me, dividiam entre si as minhas vestes, e lançavam sortes sobre a minha túnica" (Sl 22,7 – 18 – 19).

2º LEITOR – Jesus, já não tem direito a um mínimo de respeito. São-Lhe arrancadas as vestes e sorteadas entre os soldados para que se cumpram as Escrituras. Mas é esta partilha da sorte dos pobres, dos escravos, dos desprezados, dos oprimidos, que faz de Jesus o maior.

PRESIDENTE – Ó Jesus, ilumina-nos e dá-nos a graça de Te reconhecermos naqueles que estão perto de nós, em quem sofre, no próximo desconhecido, para que não tornemos vã a tua Paixão.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que não fomos respeitosos e solidários com o próximo:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

12ª ESTAÇÃO
JESUS É PREGADO NA CRUZ

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Chegaram finalmente ao lugar chamado "Gólgota", onde O crucificaram e com Ele dois ladrões. Pilatos compôs uma inscrição e mandou-a colocar na cruz; nela estava escrito: "Jesus Nazareno, Rei dos judeus" (Jo 19, 18-19).

2º LEITOR – "Salvou os outros, salve-se a Si mesmo, se é o Filho de Deus" ( Lc 23, 35). Que doloroso espanto para aqueles que tinham visto os milagres de Jesus e escutado a sua palavra. Jesus aceita estas provocações e permanece fiel até ao fim.
Jesus, na cruz, no meio de tantos sofrimentos, derrama amor sobre todos e e perdoa aos seus algozes: "Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem" (Lc 23, 34).
Os frutos do seu amor não se fazem esperar: um dos ladrões, por graça extraordinária de Deus, reconhece Jesus, como Messias.

PRESIDENTE – Ó Jesus, ensina-nos, como ao bom ladrão, a reconhecer as nossas culpas e a pedir perdão.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que não queremos reconhecermo-nos pecadores:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

13ª ESTAÇÃO
JESUS MORRE NA CRUZ

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Ao chegar o meio-dia, fez-se trevas por toda a terra, até às três da tarde. E, às três da tarde, Jesus exclamou em alta voz: "Eloí, Eloí, lemá sabachtáni?", que quer dizer: Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste? Depois, com um grito forte, expirou (Mc 15,33 -34 -37).

2º LEITOR – Deus veio à terra uma só vez e, dessa vez, tornou-se homem e deixou-se morrer na Cruz. Antes de morrer, Jesus experimenta a dolorosa sensa&ccedi
l;ão de se sentir abandonado pelo Pai: É o supremo acto de amor para reconciliar o céu e a terra.

PRESIDENTE – Ó Jesus, queremos agradecer-Te pela tua total entrega em nosso favor, e pedimos-Te que nos faças bons e generosos.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que não soubemos ser agradecidos. TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

14ª ESTAÇÃO
JESUS É DEPOSTO DA CRUZ

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – José de Arimateia, que era discípulo de Jesus, mas às escondidas por medo dos judeus, pediu a Pilatos para retirar o corpo de Jesus. Pilatos concedeu-lho.

2º LEITOR – O sacrifício terminou, e Jesus é deposto nos braços de Maria, sua Mãe, que une o seu sofrimento ao do Filho, para salvação da humanidade.

PRESIDENTE – Sagrado Coração de Jesus, Coração Imaculado de Maria, ajudai-nos a amar-vos cada vez mais e a tornar-vos conhecidos pelos irmãos.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que não soubemos amar e tivemos vergonha de testemunhar a nossa fé:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

15ª ESTAÇÃO
JESUS É DEPOSTO NO SEPULCRO

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – José de Arimateia, tendo comprado um lençol, depô-lo no sepulcro escavado na rocha, e depois fez rolar uma pedra para a entrada do sepulcro (Mt 15, 46).

2º LEITOR – A sepultura sublinha que Jesus percorreu o caminho até ao fim, morreu como morrem os homens e foi sepultado como qualquer ser humano que morre. Mas entre os túmulos espalhados pela terra, há um em que o Filho de Deus, o homem Jesus Cristo, venceu a morte.

PRESIDENTE – Ó Jesus, com a tua ajuda, também nós queremos envolver-Te num lençol novo, isto é, queremos viver uma vida limpa e queremos levar-Te no coração.

(breve silêncio)

PRESIDENTE – Por todas as vezes em que nos sujamos com o pecado:
TODOS – PERDÃO, SENHOR!

Santa Mãe, isto Te peço:
no meu peito fique impresso
o amor do Redentor.
 

 

16ª ESTAÇÃO
JESUS RESSUSCITA DOS MORTOS

Nós Te adoramos e bendizemos, Senhor Jesus Cristo,
que pela tua santa cruz remiste o mundo.

1º LEITOR – Passado o sábado, Maria de Magdala, Maria mãe de Tiago e Salomé, compraram perfumes para irem embalsamar o corpo de Jesus. De manhã cedo, no primeiro dia da semana, foram ao sepulcro. Diziam entre si: "quem nos removerá a pedra?" Mas, olhando, viram a pedra rolada, apesar de ser muito grande. Ao entrar no sepulcro, viram um jovem sentado à direita, vestido de branco, e tiveram medo. Mas ele disse-lhes: "Não tenham medo! Procurais Jesus de Nazaré, o Crucificado. Ressuscitou, não está aqui!" (Mc 1-16).

2º LEITOR – Paixão e Ressurreição são inseparáveis. Todo o sofrimento, toda a grande provação produz um dom, uma alegria ainda maior. A Cruz produziu a Ressurreição. Jesus Crucificado ressuscitou. Obrigado, Jesus! Doravante, o homem, ao morrer pode encontrar a Deus.

PRESIDENTE – Alleluia! Alleluia! Alleluia!
Exulte o povo em festa,
entoe a assembleia dos Santos,
um hino de glória ao Senhor ressuscitado.

TODOS

Rainha do céu, alegra-Te. Aleluia!
Porque Aquele que mereceste trazer em teu seio. Aleluia!
Ressuscitou como tinha dito. Aleluia!
Roga a Deus por nós. Aleluia!