Print Friendly, PDF & Email

O dia começou com a oração de laudes. O presidente da celebração lembrou que hoje assinala-se o dia da Memória Dehoniana e o início do processo de beatificação de Mons. Joseph Wittebols.

Retomaram-se, de seguida, as atividades capitulares. A primeira sessão começou com a leitura e aprovação da ata anterior e a apresentação e respetiva aprovação da agenda de trabalhos. Foi apresentado um sumário das respostas referentes às questões sobre a Espiritualidade e a Comunidade Religiosa Dehoniana, tal como figuram no Instrumentum Laboris (Documento de Trabalho). Após análise e debate em sede de grupos, procedeu-se à apresentação das respostas em assembleia plenária.

Às 12h30, celebrou-se a eucaristia, presidida pelo Pe. José Martínez, Superior Provincial da Província Espanhola, que destacou a importância do testemunho dos santos e dos mártires para nós e para a Igreja de hoje. Recordou, com particular aceno, os mártires dehonianos do Congo, mas também do Beato Juan Maria de la Cruz.

As sessões da tarde foram dedicadas à Formação Inicial dos SCJ. Expôs-se sucintamente as respostas sobre o tema contidas no Instrumentum Laboris, fazendo preceder a sua apresentação com uma recordação das diretrizes, contidas nos documentos oficiais da Congregação, sobre a Formação Inicial. Seguiram-se os trabalhos de grupo e as apresentações, em plenário, das respetivas respostas. Foi ainda aprovada, em assembleia, a proposta de alteração ao n. 167 do Diretório Provincial, referente ao processo de nomeação dos Conselheiros Provinciais. Por último apresentou-se uma síntese das respostas contidas no Instrumentum Laboris e concernentes às “Opções Pastorais da Província” e a ser debatida amanhã.

À noite, os padres capitulares participaram na vigília de oração preparada pela Comunidade do Seminário por ocasião deste dia da Memória Dehoniana.

 

 

Alexandre Santos, scj

Paulo Coelho, scj